A Criatura

untitled

A criatura

Há muito tempo atrás, numa vila bem no interior de Nova York, vivia uma família composta por três pessoas: O pai George, a mãe Christie e o filho Zack.

Eles eram uma família normal, e como viviam numa vila, sobreviviam à base do que plantavam e colhiam e do que vendiam para depois fazer compras na cidade.

George, o pai, era agricultor e todos os dias saia cedo para a lavoura, plantava, colhia, regava, cuidava com todo amor e carinho possível de suas plantações. A mãe Christie, cuidava da casa, lavava, passava, cozinhava, limpava e cuidava do filho. Zack, o filho tinha apenas a obrigação de ir à escola, estudar e ser um bom aluno. Todos faziam suas tarefas perfeitamente, por conta disso a família era unida e feliz, mas não por muito tempo…

Zack gostava de ir com o pai à plantação todos os dias depois que chegava da escola ou depois do almoço, ele gostava de ver como o pai fazia tudo e como ele era competente e ágil no serviço.

Certo dia, a caminho da plantação Zack viu uma movimentação estranha no arbusto, não sabia ao certo o que havia se movido, ele ficou com medo, pois era pequeno e indefeso, mas, porém, ele juntou forças e foi, lentamente, na direção do arbusto. Ele olhou de um lado, e de outro do arbusto e não viu nada, como não viu nada, ficou mais tranquilo e seguiu seu rumo, mas continuou pensando nisso durante todo dia.

Mais tarde na hora do jantar, todos estavam conversando, mas Zack estava quieto. O pai percebendo a quietude do filho, perguntou:

– O que houve filho?
– Nada! Disse o garoto.
– Você está muito quieto. Disse a mãe.
– Nada não mãe!

O garoto dizia que estava bem, mas o seu pensamento estava na cena que ele havia visto mais cedo. Ele não parava de pensar naquilo, e quanto mais ele pensava, mais assustado ele ficava. Nada tirava aquilo da cabeça dele, e a cada segundo aquele medo o corroía e ele ia ficando mais e mais quieto, parecia que alguém tapava a boca dele, então Zack resolveu ir dormir.

Durante a madrugada, Zack não conseguia dormir, então olhou para a janela e viu uma criatura estranha, peluda, com os olhos amarelos, boca espumante e uma cara totalmente horrenda, mas ela não fazia nada, apenas observava o garoto.

Zack, com pânico total, correu até o quarto dos pais, chegando lá, ele acordou os pais e pediu pra que eles vissem sua janela, os pais mais que depressa correram até o quarto do garoto e nada viram. Zack, então, resolveu contar sobre a cena que ele havia visto na plantação, contou tudo detalhadamente.

Depois de ter contado tudo, ele deitou na sua cama e ficou observando o teto, esperando alguma declaração dos pais sobre o assunto, os pais logicamente ficaram intrigados com aquilo e conversaram com o garoto para acalmá-lo. Depois de muita conversa o garoto dormiu.

Na manhã seguinte o garoto acordou mais calmo, tomou café, foi pra escola e seguiu seu dia normal e tranquilamente. Quando chegou em casa, almoçou e esperou seu pai chegar para irem juntos a plantação, ele chegou e os dois foram. No meio do caminho o garoto viu aquela movimentação no mesmo arbusto novamente, dessa vez seu pai foi olhar o que era. Quando George chegou próximo ao arbusto, pulou uma criatura gigantesca, peluda, olhos amarelos, a mesma que ele havia visto na noite anterior.

A criatura foi diretamente na direção de Zack, mas no momento que ela ia pegar o garoto, George deu um chute e a criatura se afastou, os dois correram em direção a casa, com medo e gritando. Christie ouvindo isso saiu e viu os dois correndo, e viu também a criatura gigante correndo atrás deles. Correu na casa dos vizinhos próximos pedindo auxílio, e eles prontamente os ajudaram.

Cerca de 20 pessoas da vila saíram de suas casas com os gritos de George, Christie e Zack, alguns saíram com facões e foram ajudar, outros fugiram com medo.

Quando George e Zack estavam muito próximos da vila, alguns vizinhos foram pra cima da criatura, atacaram pedras e deram facadas, mas a criatura era resistente. George e Zack conseguiram escapar e como não conseguiriam fugir durante muito tempo resolveram lutar. Zack pegou um grande pedaço de madeira grossa e George o seu facão.

Ao todo, 15 pessoas atacaram a criatura ao mesmo tempo, Zack e George iam no meio deles, se defendendo e atacando quando podiam, mas a criatura era forte.

Num momento de distração, Zack foi atingido e caiu desmaiado no chão, pois era uma criança frágil. Seu pai rapidamente o pegou no colo e o afastou da batalha.

Depois de muito lutarem, derrubaram a criatura e a atacaram fortemente. A criatura levantou atacou eles com todas as forças, matando alguns e ferindo outros e, de repente, fugiu.

A vizinhança inteira comemorou, mas continuou pronta pra batalha. George correu até o filho, e viu que ele não estava mais respirando…

George chorou muito, pois a criatura conseguiu o que queria, matou Zack!

Christie, chegando ao local, vendo seu filho morto no chão chorou muito, pois era seu único e amado filho.

Ninguém soube explicar ao certo porque a criatura atacou Zack, porque perseguiu Zack na plantação e porque apareceu na janela do quarto dele, mas depois disso a criatura nunca mais apareceu na vila, ao que se sabe…

Depois desse dia, a vila voltou a ser calma e tranquila, mas sem o mesmo brilho, sem o brilho de Zack…

Fim!

Antônio Sérgio da Silva Junior 8ª A

Anúncios

27 comentários em “A Criatura

  1. MITO, MITO ETERNO! QUE CONTO ÉPICO! PARABÉNS JOVEM, TU É O FUTURO DA NOSSA HUMANIDADE.

  2. Mayara Pereira disse:

    Parabéns, ficou criativo e muito interessante, gostei!

  3. julio disse:

    Man sinceramente parabéns
    ficou muito bom

  4. Breno disse:

    Muito bom parabéns

  5. ficou!
    e ainda ficou com um suspense O_O

  6. Agatha Silva disse:

    Dahora 😉

  7. glauber disse:

    ficou criativo e muito interessante

  8. Yara disse:

    óia vai mexer kkkkkkk, ta dahora :))

  9. Yuri disse:

    Muito legal !

  10. Raitods disse:

    Parabéns cara muito bom ficou perfeito =P

  11. victor yuri disse:

    curti

  12. Sinistra essa criatura hein… Parabéns!!!

  13. julia F disse:

    legal *—-*

  14. Weronyka disse:

    Interessante !

  15. Anderson disse:

    Gostei cara .

  16. bia disse:

    Muito legal gostei parabéns!!!

  17. joy disse:

    Legal! parabéns

  18. Kauane disse:

    Criativo, gostei 😀 !

  19. Cinthia disse:

    Dahoraaaaaa ! ‘ 🙂

  20. Iasmin disse:

    Nooossa muito Bom 🙂

  21. Jennifer Remédios disse:

    Muiiiitto boom , beem criativo 😀

  22. Beaztriz disse:

    Legal ” Muiito Criativo ” *o*

  23. erick disse:

    gostei muito foi assustador

  24. Gioavanna Esteves disse:

    Legal u.u

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s