Quer perder um amigo? Dê este livro da Sylvia Day de presente de Natal

amigo-da-onc3a7a

Qual é a da literatura erótica? Essa pergunta tem uma resposta pronta, para mim, é claro!

Começo explicando que não tenho nada contra o gênero, mas incomoda o alarde que é causado pela tal literatura quando vejo uma bomba como “Cinquenta Tons de Cinza” liderar listas de mais vendidos no mundo.

O problema não é ser mal escrito, a situação é pior pelo fato de ter roteiros pobres, de ser incapaz de levar um fato do nada para lugar nenhum.

A autora Sylvia Day, autora renomada desse tipo de obra, tem uma vantagem em relação à sua colega E. L. James: ela sabe escrever, e bem. Ponto!

Mas quando você pega uma série dela como Crossfire e a chama de “Cinquenta Tons bem escrita”, isso não parece o melhor elogio que eu gostaria de receber.

Por que, de novo, se trata da mesma questão: falta conteúdo, o texto carece de substância, uma premissa para o leitor se interessar por personagens e o desenrolar do que é contado sobre eles. A enrolação que Sylvia Day lança sobre o leitor com sua boa escrita não ilude por muito tempo.

Dessa maneira, “Amigo Secreto” (Editora Paralela) não salva nenhum um pouco meu preconceito em relação à autora.

Ela narra duas histórias desenvolvidas num cenário dos dias atuais e, segundo ela própria, “são apimentadas e muito românticas”. A primeira é a que dá nome ao livro e é tão rocambolesca quanto uma novela mexicana no início e um soft pornô no final. Tudo isso envolvido por uma brincadeira de amigo secreto na empresa em que os dois personagens principais trabalham. E imagine que tudo isso com uma enrolação desgraçada para chegar ao clímax. Prefira o canal 151 da Sky.

Capa do Livro
Amigo Secreto (1)

O segundo conto narra o relacionamento complicado (e obsessivo) de um casal que está envolvido num caso de roubo de joias. Haja saco!

Portanto, se quiser acabar com uma amizade neste fim de ano “Amigo Secreto” é uma ótima oportunidade para realizar esse desenlace. Uma bela ação de amigo da onça.

Obs: A imagem do início do post é uma homenagem um personagem chamado “amigo da onça”, criação do cartunista Péricles de Andrade Maranhão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s