A nova incursão de Dragon Ball Z pelos games

Dragon Ball Z

Parece haver um consenso na cultura geek de que o universo da saga Dragon Ball tenha personagens e histórias suficientes para encher caminhões com novos produtos a cada dia.

A questão é saber se isso sempre será realizado com a qualidade que o anime merece.

A nova incursão da série no mundo dos games segue esta sina. A desenvolvedora Artdink tenta realizar um trabalho amplo e irrestrito quanto aos personagens (todos estão lá), as batalhas acontecem nos mais diferentes lugares e das mais variadas maneiras, mas percebe-se que há algo faltando.

É óbvio que um expert no quesito jogabilidade teria mais competência para explicar o que acontece com Dragon Ball Z: Battle of Z, mas só de olhar para o jogo é possível perceber alguns equívocos.

Os controles têm o maior grau de defeito, pois não são nada intuitivos e não promovem um aprofundamento suficiente para prender o jogador. O jogador online, pode se tornar um exímio praticante só de decorar sequências bem óbvias. Mas o problema não para por aí: a defesa, durante as lutas, é possível apenas com um movimento aleatório, o que pode culminar na futura vitória sem muito esforço.

Além disso, causa algum desinteresse a progressão da aventura pela diminuição de visão do sistema de câmera. Alguns ambientes não conseguem simplesmente aparecer junto com os personagens daquele momento e não é raro tomar um sopapo sem saber de onde ele foi desferido.

De qualquer forma, Dragon Ball Z: Battle of Z pode se destacar entre os games adaptados dos anime pelo simples fato de possuir uma quantidade enorme de personagens e de ter elaborados gráficos do início ao fim, mas sempre ficará a sensação de que as muitas referências não se sustentam com a pouca qualidade no produto entregue.

Creio que possa fazer relativo sucesso pela mera atividade nostálgica que promoverá junto aos fãs da saga, mas poderia ter sido mais bem aproveitado pelo nome que carrega por trás.

Desta maneira, prossiga jogando coisas menos modernas como Dragon Ball Z: Budokai Tenkaichi 3 (PlayStation 2), ou continue recordando as batalhas deste clássico pelos animes antigos. E não perca as esperanças de que alguém saia da mesmice e consiga criar um jogo que faça jus à série através de mudanças, que pelo que se viu aqui, não são nada de outro mundo.

Veja um trecho do jogo:

Anúncios

4 comentários em “A nova incursão de Dragon Ball Z pelos games

  1. nathan paiva disse:

    gostei muito achei interesante o naruto misturado com o goku

  2. nathan paiva disse:

    A luta do goku e do bills e daora mais vem treis gorrans de uma so ves isso e muito istranho esse jogo e muito avansado deve ser daora video e legal ojogo deve ser tanbem

  3. AirtonS disse:

    Gostei, mal posso esperar pra jogar este game, tenho certeza que vai ser sucesso já que é baseado no filme que teve uma enorme bilheteria em que eu estou incluso.

  4. Raquel Andrade Ágata Melo 9ª Achilles disse:

    gosto um pouco desse jogo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s