Conheça Jeff Godwin, o pastor que credita ao Rock o mal do mundo

jeff godwin

Se você não conhece Jeff Godwin é melhor fazer uma pesquisa rápida no Google. Trata-se de um pastor cristão fundamentalista que já escreveu diversos livros com a temática que vou descrever a seguir.

Ele alega que sobreviveu ao desastre que matou 12 fãs num show do The Who em 1979. E afirma que isso foi obra do demônio (ou uma vingancinha de Deus contra os fãs do rock).

Pois bem, sua bibliografia se baseia em “desmascarar” o rock como sendo obra do chifrudo e normalmente diz que todas as letras do ritmo musical foram escritas pelo cramulhão há milhares de anos em parceria com seus demônios assistentes para que isso pudesse controlar a mente de quem as escuta. Pode um negócio desses???

O pior é que tem gente que acredita nesses absurdos e prática esse proselitismo insano, e por vezes, até violento na frente de casas de shows, principalmente em Indiana, EUA, local de residência do doente mental.

Em 1985, ele escreveu um livro no qual cita as bandas de rock mais perigosas do mundo. O nome da obra é “Devil’s Disciples” (sem tradução no Brasil) e demonstra, além de um desconhecimento da história das bandas, um ódio desmedido por grupos importantes para a música mundial.

Além de desinformar, esse tipo de prática fundamentalista que reverbera pelo mundo demonstra o quanto há pessoas dispostas a calar aqueles que não pensam como elas. Isso é perigoso e está acontecendo no Brasil neste momento.

O caso da dona de casa Fabiane Maria de Jesus que foi espancada até à morte na semana passada no Guarujá, SP, é revelador neste sentido.

A horda de pessoas que a acusavam de bruxaria não tinha nenhuma prova de que ela havia sequestrado crianças para rituais de magia negra. Não haviam sequer crianças desaparecidas.

O que houve ali foi o fundamentalismo religioso de não aceitar diferenças, de não permitir que outras pessoas pensem de forma diversa delas.

De fato, Fabiane não era adepta da magia negra, mas é se fosse? Desde que não realizasse nenhum crime qual o problema da mulher acreditar no que quer que seja?

O mesmo acontece com pessoas que não querem acreditar em nada. Há uma perseguição nas redes sociais sempre que há alguma discussão desse tipo na internet. São chamados de pseudo-ateus, neo-ateus e satanistas. Por que sou obrigado a acreditar em algo só pelo fato de que outros acreditam. Isso é uma violência velada, uma intolerância que cresce no Brasil e precisa ser denunciada a cada dia que passa.

Teoricamente, somos um país laico em que há liberdade de expressão e liberdade de prática religiosa, não temos uma crença oficial, mas se você não for cristão deve queimar no fogo do inferno.

Para quem é ateu o negócio é pior já que nem acreditamos no inferno.

Abaixo, a título de curiosidade, eu listo as dez bandas que Jeff Godwin afirma serem perigosas para nossa sociedade. Divirta-se com os comentários desse maluco.

1. AC/DC: “Essa banda causou mais danos que qualquer outra por aí”.
acdc

2. Rolling Stones: “Esses drogados hedonistas e miseráveis inventaram o Rock diabólico”.
rolling2

3. Led Zeppelin: “Um grupo de caçadores de emoções ocultas, com um catálogo de negativismo, melancolia e óperas sexuais e sensacionalistas de Heavy Metal”.
led

4. Mötley Crüe: “Uma quadrilha de bocas sujas e fornicadores que espalham abertamente seu estilo de vida detestável”.
thecrue

5. KISS: “Não contentes com os milhões de dólares já roubados de seus fãs, que são basicamente garotas de treze anos, o KISS parece longe de desaparecer na lata de lixo do Rock”.
kiss

6. Twisted Sister: “Atitude animalesca, machista, combinada com preferências sexuais estranhas e doentias. Uma das bandas mais prejudiciais da atualidade”.
twisted sister

7. Judas Priest: “Ocultismo, postura de motoqueiros nazistas, violência, violência e violência. O mundo fica ainda mais insano com esse nojento grupo de fascistas do Rock”.
judas

8. Black Sabbath: “Um detestável grupo de necrófilos, adeptos da bruxaria”.
black sabbath

9. Ozzy Osbourne: “Repetidos e nojentos atos inconsequentes de depravação e vulgaridade”.
Ozzy+Osbourne+OzzyOsbourne

10. W.A.S.P.: “Uma junção dos mais perversos elementos do Rock atual. O nome da banda significa ‘We Are Sexual Perverts’ (Nós somos pervertidos sexuais). E a música que fazem prova isso”.
4 - WASP+4

Enfim, vê-se bem que o autor não conhece bem a cena rock mundial. Se ele ouvisse King Diamond ou qualquer banda de Black Metal da Noruega ele efetuaria uma nova edição do livro com essas citações.

Agora, creditar o mal do mundo a uma manifestação cultural, artística, é ser mais do que desinformado. Isso é ser maldoso e militar contra a própria religião, já que esta fica extremamente prejudicada pela falta de credibilidade que as pessoas de algum senso de responsabilidade e análise crítica irão enxergar nesses líderes fanáticos.

Anúncios

5 comentários em “Conheça Jeff Godwin, o pastor que credita ao Rock o mal do mundo

  1. Esse otário aí tem é que morrer…
    quem juga um dia será julgado…
    idiota…
    fala mal do rock uma desgraça dessa…
    vai fuder mizerável…

  2. Esse ae é um Otário….
    Tem é que Morrer…O mal do mundo, são apenas esses vermes de Boca suja…
    “Quem julga, Um dia será Julgado”
    seu cuzão….
    Vai caçar estudar Sociologia idiota….

  3. Nossa, mto bom seu blog, tenho o usado em grupos de discussao, força ai de Portugal
    se tiver uma pagina no facebook me avise,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s