A Triste Notícia de Morrissey

 
Morrissey é um dos maiores ídolos do blog. E tudo a seu respeito gera muita repercussão.
 
É claro que os rumores com relação aos seus problemas de saúde já eram fortes desde o ano passado por conta dos inúmeros cancelamentos de shows em sua turnê, mas quando foi anunciado o novíssimo álbum a gente achou que a coisa tinha entrado nos eixos novamente e que Morrissey estava bem na fita.
 
Porém, ontem durante entrevista ao jornal espanhol El Mundo o cantor inglês de 55 anos revelou detalhes de seu tratamento contra o câncer.
 
Na entrevista concedida ao periódico ele também contou sobre outros  planos, além de falar sobre amenidades e situações do cotidiano britânico e mundial. Não faltou (como em qualquer depoimento do ex-amigo de Johnny Marr) a acidez e a polêmica com que trata questões inúmeras.
 
Desta vez, aproveitou para alfinetar o casal David e Victoria Beckham, que ele considera “insuportável”.
 
No que diz respeito à doença, Morrissey explicou que vinha sendo hospitalizado com frequência no último ano e meio, período em que pensou em se afastar dos palcos de uma vez por todas.
 
Agora, com o anúncio da doença, o cantor diz que não pretende parar de trabalhar. Parece mesmo querer dizer que os palcos funcionam como tratamento para ele, mas deu a entender que se não houver outra possibilidade ele se dedicaria exclusivamente ao seu viés de escritor.
 
E não é por falar da boca para fora.
 
Além de ter sido muito elogiado pela forma como escreveu sua autobiografia (resenhada, inclusive por este blog ano passado), na próxima semana também sai seu primeiro romance. Vamos ver no que dá.
 
O público europeu também poderá vê-lo em ação nos próximos dias com o começo de sua turnê para divulgar seu 10º álbum solo, “World Peace Is None of Your Business”.
 
Então, como dizem por aí, a vida continua. Mas Morrissey pensa um pouco além disso: “Os médicos já rasparam tecidos cancerosos em quatro ocasiões”, contou ele ao jornal, mas não confirmou onde se localiza o tumor. “Se for para morrer, morrerei. Agora mesmo, me sinto bem. Sei que não tenho saído bem nas fotos, mas isso é efeito de ter uma doença, faz parte. Não vou me preocupar com isso e só vou descansar quando morrer.”
 
Tomara que não precise descansar tão logo então e que haja remissão na doença não só pelo desejo de ver mais ser humano salvo de patologia tão horrenda, mas para que tenhamos por mais tempo a convivência com um dos maiores gênios de nossa época na música.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s