Temporada da NBA “brasileira” começa hoje com promessa de muito equilíbrio

A temporada regular 2014/15 da NBA começa hoje. E será um ano muito especial para o basquete brasileiro, pois este será um campeonato com sete jogadores inscritos oriundos do país sul-americano, o que se torna um recorde do Brasil na liga.

Quando a bola começar a bater nas quadras norte-americanas, logo mais à noite,  os jogadores Anderson Varejão (Cleveland Cavaliers), Bruno Caboclo e Lucas ‘Bebê’ Nogueira (Toronto Raptors), Leandrinho Barbosa (Golden State Warriors), Nenê Hilário (Washington Wizards), Vítor Faverani (Boston Celtics) e Tiago Splitter (San Antonio Spurs), primeiro brasileiro campeão da NBA, poderão estrear também.

Os Spurs, atuais campeões, recebem o Dallas Mavericks, no AT&T Center, mas além de Splitter, contam com a força do elenco para tentar novo triunfo.

Além do time de San Antonio, Oklahoma, Dallas, Portland e Clippers cresceram, se reforçaram, do lado do Oeste, e podem atrapalhar as chances do time de Tim Duncan.

Mas no lado Leste, com Cleveland tendo Lebron James como principal destaque das contratações de início de temporada, há também a tendência de Miami prosseguir postulando ao título, mesmo sem ter mais seu principal jogador, e Chicago aparecendo como uma nova velha potência.

Portanto, é esperar para ver inúmeros jogos inesquecíveis, como é todo ano, mas tendo uma certeza de que nesta temporada a coisa estará mais equilibrada e que terá ainda mais esta pimentinha de possuir vários brasileiros para que o público daqui tenha mais identificação ainda com o esporte que se acostumou a empolgar também a nós.

Algo que também começa a acontecer com a NFL que tem se mostrado um mercado promissor no Brasil e em outros países pelo mundo afora.

Tudo muito bem engendrado por conta de uma organização realizada com esmero e excelência, o que dá muita inveja para quem espera ver, algum dia, quem sabe, o mesmo procedimento profissional com nosso campeonato brasileiro de futebol, que jaz nas mãos da CBF e de cartolas preocupados mais com seu ego do que com a melhoria dos clubes que eles dirigem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s