As últimas palavras

Resultado de imagem para escola á noite historia de terror

 

A nossa história se passa na escola Rivadávia Marques Junior.

Num dia normal cinco amigos chamados Giovanna, Ellyn, Marcos, Luana, Guilherme e Esthefani precisavam terminar o seu TCA, portanto eles combinaram de voltar à escola quando já fosse noite e assim aconteceu.

Sendo assim, com a noite caindo, os cinco amigos pularam o muro da escola e viram que o guarda ainda estava por lá. Então eles saíram andando por aí. Do nada, sem saber como deram de cara com o mesmo guarda.

Ele disse que eles não deviam entrar, pois alguma coisa estranha estava acontecendo. Obviamente que os meninos não deram ouvidos para o aviso e continuaram andando pela escola até que eles acharam a sala de informática aberta.

Desse modo, eles começaram a elaborar o trabalho até que em dado momento o Guilherme decide ir ao banheiro e vê um vulto, mas não liga e continua andando, mas na hora em que ele volta percebe que seu amigo Marcos está machucado e ao tentar ajuda-lo o moribundo tenta avisar algo sobre um mal que havia naquele lugar, mas engasgas e antes de qualquer novo gesto de Marcos ele acaba morrendo.

Assim sendo, Guilherme volta desesperado para a sala e vê todos os outros amigos mortos. Ele escuta passos vindos do corredor e se esconde junto aos corpos. É neste momento que o vulto se mostra.

Trata-se de um monstro indescritível já que o rapaz estava congelado pelo medo, mas uma coisa era peculiar nesta criatura: a cada passo que dava dizia: “1… 2…” e a cada aproximação maior que dava repetia “1… 2…”.

Claro que Guilherme ficou apavorado. E o monstro dava novos passos bem devagar e voltava a dizer “1… 2…”. Nisso ele chega bem perto do rapaz e agora fala: “1… 2… 3… te achei!”

Neste exato momento ele levantou Guilherme do chão, olhou fixamente  em seus olhos arregalados de terror e quebrou seu pescoço.

Calmamente, pegou os corpos dos outros que jaziam ali ao lado e os devorou bem vagarosamente fazendo sons e urros sinistros.

No dia seguinte, as professoras que chegaram à escola logo pela manhã acharam sangue no chão da sala de informática. Como não havia mais nenhum indício de que algo horripilante havia acontecido ali tiveram a ideia de voltar a gravação das câmeras a fim de achar algo que comprovasse o ocorrido na noite anterior.

O estranho de tudo o que se passou depois é que realmente visualizaram a morte de todos os jovens, mas não havia nada os matando. Era como se eles estivessem sendo mortos por algo invisível. O tom de perplexidade tomou conta de todos e nada ficou provado desde então.

Até hoje, aqueles alunos que tentaram fazer algum tipo de investigação sobre aquele fatídico dia afirmam que o mais correto é dizer que foi o próprio guarda que fez tudo aquilo, mas outros ainda não acreditam em nenhuma explicação, pois nenhuma é minimamente plausível.

De tudo isso, fica apenas uma dica: não volte à escola quando a noite chegar!

MORAL DA HISTÓRIA: NÃO FAÇA O TCA

MARCOS VINICIUS CABRAL – 9º Ano C

Anúncios

31 comentários em “As últimas palavras

  1. fernada orcati ferola disse:

    voto em vc marcos

  2. victorxavierdasilva disse:

    voto neste

  3. maria vitoria disse:

    EU VOTO

  4. sabryna olivera disse:

    meu voto

  5. Camila e luara disse:

    Meu voto

  6. Vitoria e Erica disse:

    eu voto

  7. vinicius souza disse:

    voto

  8. contos disse:

    voto em vc marcos

  9. raissa disse:

    eu e a minha dulpa gostamos muito do conto de terror de vc raissa e giulia 5 a

  10. debora e Aline disse:

    voto

  11. gabriely goncalves disse:

    voto

  12. Ester Legal disse:

    moral da historia: NÃO FAÇA O TCA, jsjksadjknsdkjn

  13. jubileu disse:

    voto vai dormir marcos

  14. Valeu por colocar meu nome na história😊
    Amei seu conto de terror. 💀👻

  15. Kelly Amorim disse:

    Gostei desse conto. Tem meu voto.

  16. Luanna cotting disse:

    to votando so pq eu to na historia ashuhsuash S2 (eu acho q sou eu.. provavelmente n é.. faze oq )

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s