Do You Like… Faires?

 

Resultado de imagem para fadas sinistras

 

– Olá! Como vai? Bem?

– Ótimo!!

– Eu só queria fazer uma pergunta, posso?

– Claro.

– É uma pergunta muito simples, okay? Você acredita em fadas?

– Não.

– Que coisa lastimável. Você acabou de matar a sininho, seu monstro, mas porque eu perguntei isso? Oh claro! Por que eu conheço um fada!

– O quê?

– Você acha que eu estou brincando? Okay!! Vou lhe contar a história de como conheci essa fada, e depois eu lhe apresento a ela, combinado?

– Okay.

– Então… tudo começou em um inverno em 2016…

Lucy, uma jovem desempregada, rezava todas as noites antes de dormir, mas ela não rezava para Jesus Cristo, muito menos a seu pai (Deus), e nem adianta pensar em Maria, ela tinha a sua deusa, uma deusa que sua mente criou para acalmar a garota de seus medos.

Sua deusa se chamava Bianca, ela seria a pureza e a paz da garota em uma existência só, ela tinha a forma de uma pequena fada, que tinha cabelos escuros e que eram maiores que seu corpo inteiro, ela tinha os olhos verdes com roupas longas e desajeitadas, a deusa sempre sorria para Lucy, toda vez que a Lucy rezava para ela, se encontravam e tinham uma longa conversa, ela contava os pecados e perdia perdão, e a fada sempre perdoava.

– Minha querida, não se preocupe com o que eu penso, Já que a vida é sua, se você realmente é boa, mesmo que eu não lhe ensine nada, você fará o bem.          A fada sempre dizia isso segundos antes da reza acabar, Lucy dormia como um bebê.

De algumas noites pra cá, ela tem acordado à noite, assustada e tremendo, como se tivesse tido um pesadelo bem pesado, mas nunca era o caso, ela pensava que graças à sua deusa, ela nunca teve pesadelos, ou foi incomodada com o mal durante sua vida.

Mas ela estava enganada, ela dormia com o mal, ela conversava com o mal, ela ERA PARTE DO MAL, sua pequena fada, criada pela sua mente, que dizia ser pura e perfeita, a que perdoava tudo que a garota pecava, estava finalmente se revelando, Lucy estava sonhando quase todas as noites com a fada, mas não a doce fada, a sua deusa e sim a verdadeira fada, a com quem falava para ela pecar contra tudo, para ela desistir da pureza e se juntar a ela no mal, e que lá era tudo mais fácil, sem regras, sem perdão e sem pecados, já que apenas agiam como queriam, a garota sempre recuava e usava as palavras de sua deusa como escudo, mas esse escudo, a cada pesadelo ficava mais fraco, já que suas próprias palavras falsas não atingiam a fada.

Lucy, depois de meses conseguiu um emprego, como recepcionista de um aeroporto. Era o emprego perfeito para Lucy que estava sempre sorrindo e animada, e tratava todas as pessoas do melhor jeito possível.

Uma vez uma senhora, que aparentava tem 80 anos por ai e que tremia e suava, estava cheia de olheiras e a falou com a voz tremula.

– Por favor, me ajude! – Ela olhou para trás e cochichou alguma coisa, mas logo voltou a ter o foco na Lucy – ELA ME ACHOU, ELA VAI NOS PEGAR, E… você? Por que acredita nela? – A velhinha disse virando indignada o rosto.

Lucy ficou sem reação, mas a velhinha logo correu para fora do aeroporto, Lucy ficou o resto do dia pensando naquela cena, levou inúmeras broncas por estar meio desatenta, voltou para casa atordoada e estava tão pensativa que foi dormir sem rezar para sua deusa – e eu te juro – que essa foi a pior noite de sua vida.

Ela acordou milhares de vezes durante a noite, depois de uma última tentativa de ir dormir ela decide ficar acordada, ela deixa os olhos abertos e fica encarando o teto, que tinha varias formas, ela olhou, olhou para outro canto da parede e viu uma pequena sombra de fada.

Foi aí que se assustou e se sentou olhando desesperada por todos os lados, pegou seu celular e ligou a sua lanterna que era fraca, mas iluminava o suficiente para enxergar o quarto, ela passou pelo quarto a lanterna, e perto de sua cômoda ela notou que um vulto bem pequeno passou por trás de uma das gavetas, ela se encolheu e mirou a lanterna no teto, ela viu um grande buraco por um momento, ela se assustou, mas logo a imagem do buraco desapareceu e o teto estava normal novamente.

Ficou assim mais ou menos 30 minutos olhando com a lanterna, até que ela mira no teto novamente, mas dessa vez ela não vê um buraco, ela vê a sua deusa, a Bianca… ela estava sorrindo como sempre.

– Minha garota. – A pequena voava para mais perto de Lucy – Você por acaso, me esqueceu? – Sua expressão calma e serena mudava aos poucos para uma de ódio.

– Claro que não, minha musa, eu apenas me estava com a cabeça cheia – Ela tentou se explicar ficando com medo da cara da fada.

-OI? CABEÇA CHEIA? – Ela disse ficando centímetros do rosto de Lucy, que agora tremia – VOCÊ POR ACASO JÁ FOI UMA DEUSA? Ou são apenas problemas de autoestima novamente? O seu “crush” te deu o fora? PARE DE ACHAR QUE ISSO É UMA COISA QUE VOCÊ DEVERIA SE PREOCUPAR – Ela gritava, e seu rosto, meigo e delicado foi mudando para um frio, e tenso, cheio de olheiras e sardas, uma boca seca, e olhos sem cor, seu cabelo aos poucos ficava cinza.

– Agora vou te dar um castigo por esquecer sua deusa – ela foi para trás se afastando do rosto da garota – eu vou te dar Preocupações – Ela riu sadicamente.

– Bianca, por favor, eu lhe suplico, não me mate… – A garota fecha os olhos e tenta gritar o mais alto que conseguia.

– Te matar? Nunca, vou apenas te punir um pouco, mas se você morrer no caminho, a culpa é sua por ser Fraca – ela riu, e logo depois várias fadas surgiram e cercaram a garota.

– POR FAVOR – ela suplicou uma última vez.

Todas as fadas sorriram sadicamente e se juntaram, elas brilharam, e ficaram o mais próximas que conseguiam, sua luz estava esquentando, até ficar quente o suficiente para a pele derreter um pouco, a garota chorou e gritou, até ficar rouca, as fadas pararam e foram sumindo com a luz, e Bianca, a fada por quem Lucy confiou sua vida, apontou para seu corpo que estava acabado, e meio derretido, Lucy ainda chorava e gritava um pouco, Bianca deu um comando, mas as fadas não pareceram entender, então ela foi até perto do corpo da garota e enfiou a mão, e usou toda sua força para esmagar seu fígado.

Lucy estava sem expressão, não demonstrava nada, seus olhos estavam sem brilho, e seu rosto estava molhado por causa das inúmeras lágrimas que caíram, sua garganta estava inchada de tanto que gritou, seu corpo estava impossível de mexer, ela mal conseguia respirar e não tinha forças e nem capacidade de se mexer.

Assim que Bianca terminou de espremer seu fígado, ela retirou sua mão e Lucy deu seu último grito, o último grito que aguentava dar, suplicou a… ninguém, pois não tinha a quem suplicar, afinal sua deusa se virou contra ela, sua deusa estava matando-a.

Ela suspirou e fechou os olhos esperando as outras fadas fazerem o mesmo que Bianca, ela estranhou a demora e abriu os olhos novamente, e a primeira coisa que ela viu foi Bianca Sorrindo.

Lucy ficou surpresa e usou suas derradeiras forças para retribuir o sorriso, e no mesmo segundo, sentiu as pequenas mãos perfurarem a sua frágil pele…

Ela não gritou, ela não chorou, ela continuou com o sorriso, e fechou os olhos, já não tinha forças para sentir nada e simplesmente morreu por ordem de sua Deusa.

No momento do final desta história a pessoa a quem eu contava ficou perplexa com uma expressão de choque e de medo e isso se arrastou por vários minutos.

ENTÃO EU LHE PERGUNTO:

 

VOCÊ QUER CONHECER MINHA AMIGA BIANCA?

Luanna Cotting – 7º Ano D

Anúncios

66 comentários em “Do You Like… Faires?

  1. Ket disse:

    ~Votei e sai correndo~

  2. Jeeh Park disse:

    Votei ❤

  3. Victor Qualtieri disse:

    Votei sz

  4. Jeeh Santiago disse:

    adorei, to meu voto ❤

  5. Victor Qualtieri disse:

    Votei 🦄💙

  6. Pedro disse:

    Wwwuuuuuoooooouuuu!!! Muito bem…
    Parabéns Luanna… Sua mãe deve estar orgulhosa kk

  7. Thais Loiola disse:

    Votei.

  8. voto(͡ ° ͜ʖ ͡ °) coiza bunita

  9. Leticia Oliveira disse:

    Votei.

  10. gui/hipólitoOS+Pik4 disse:

    JOOOOJ

  11. Gabriel Bayer disse:

    Votei

  12. Dayane Alves disse:

    Muito bom. Votei e me escondi rsss

  13. kauan disse:

    VOTEI ADOREI NEM LI

  14. rayanne disse:

    muito bom voto

  15. Laura Belem disse:

    Votei na minha divonica, maravilhosa, arrasadora

  16. juriscreudo disse:

    me revivo com macarrão!

  17. Frentista disse:

    tu tem meu voto migona

  18. adailton disse:

    Muito legal, gostei

  19. marisane disse:

    votando nas salsichas em conserva!!!!!!!!!

  20. Voto. Isabella Cristina 9°E Saturnino pereira

  21. Elis Santos disse:

    Gostei!

  22. Julia disse:

    Voto! E não dormirei essa noite rs. Péssimo terror com o sono . – Professora Julia – EMEF Saturnino Pereira

  23. Julia disse:

    Voto ! Medo ! – Prof Julia – EMEF Saturnino Pereira

  24. Julia Lima disse:

    Voto! Medo- Professora Julia – EMEF Saturnino Pereira

  25. Gustavo - 2ºC disse:

    votei

  26. ondina dos Santos reis disse:

    Votei ♡

  27. Samuel cristhian disse:

    Voto

  28. guilherme braga disse:

    vedei

  29. maycon silva de lima disse:

    voto

  30. guilherme braga disse:

    voto

  31. Ester Legal disse:

    aaaadoreii ❤ ❤

  32. Definitivamente NÃO! Não quero conhecer Bianca!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s