Conheça agora o HÆLOS ou fique boiando por aí

Resultado de imagem para haelos

***æ é uma letra vogal que deriva de uma ligadura de a com e, mas hoje é considerada uma letra por si só em algumas línguas como o dinamarquês***

Ok, feita a explicação acerca da grafia do nome da banda fica a curiosidade do motivo para tanto. Não há explanação explícita, mas o HÆLOS gosta de um lance espiritual voltado para o conhecimento interno de cada um e da transcendência do mundo e da mente.

O grupo na verdade é um trio, formado por Arthur Delaney, Dom Goldsmith e Lotti Benardout e acabaram de lançar um disco em 2016 intitulado “Full Circle”. Antes disso, estando na estrada desde 2014 tiveram alguma publicidade com o single “Dust” no mesmo ano e “Pray” e “Earth Not Above”, este último também nome do EP de 2015.

Uma breve lida na biografia desses britânicos que até já foram mostrados pela Billboard como representantes da nova música eletrônica mundial nos dita que eles trabalham seus sons como algo que “vai soando e você sabe que não poderia ter acontecido de outra maneira”.

Podemos dizer então que são adeptos da espontaneidade? em certa medida sim, mas o trabalho técnico deles e a simetria de sua notas proporciona uma escuta muito agradável de um timbre que pode viajar entre o Trip Hop e o Ambient de maneira bastante natural.

Porém, a jornada de sua música pode se situar na caminhada dimensional entre o barulho intenso e o alívio silencioso, o estresse provocativo e a calmaria que diminui os batimentos. A descrição da Last FM para o HÆLOS os mostra como “a dinâmica básica de toda a vida urbana”.

Isso pode se dever ao lance concreto de viver em uma cidade cosmopolita como Londres ou da vivência num mundo que se divide ente a loucura real e o virtual com suas perfeições e imperfeições tão latentes.

Arthur disse na entrevista-apresentação para a rede social musical que “Nós todos (a banda) chegamos neste ponto fora de nossas próprias trilhas e que trabalhamos de forma independente por vários anos, mas nos reunirmos e encontrar uma sinergia tão forte entre nós tem sido poderoso – espiritual, mesmo”.

 

Com toda essa simetria o som do HÆLOS não podia ser diferente do incrível e aproveitar a música de seu primeiro LP (que conta com influências óbvias de Massive Attack, Portishead  e todo o restante de artistas do segmento eletrônico dos anos 90, mas também guarda irmandade com Chvrches, Phantogram e The xx) pode ser uma experiência única por causa da habilidade de inventar no meio de tanta base já existente.

 


 

HÆLOS – Full Performance (Live on KEXP)

 

 


 

HÆLOS – Full Circle

Resultado de imagem para full circle músicas

1 – Intro/Sprectrum

2 – Pray

3 – Dust

4 – Full Circle

5 – Earth Not Above

6 – Oracle

7 – Alone

8 – Separate Lives

9 – Sacred

10 – Cloud Nine

11 – Pale


Anúncios

2 comentários em “Conheça agora o HÆLOS ou fique boiando por aí

  1. Som bacana hein! Ouvi as primeiras só!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s