Não vai ser dessa vez: meninas do Deap Vally concelam show em São Paulo

Resultado de imagem para deap vally saõ paulo

 

É triste, mas é verdade. Toda a empolgação da semana passada se transformou em desalento com o cancelamento do show do Deap Vally que aconteceria semana que vem aqui em São Paulo.

O anúncio foi feito pelo próprio Sesc por nota oficial em seu site na manhã desta segunda-feira.

“Infelizmente, a banda não poderá realizar a apresentação por questões relativas à produção internacional das artistas”, informa o Sesc, através da nota na página da internet.

Não há ainda nenhuma nova informação sobre nova data para o concerto e se isso realmente acontecerá. Fica, portanto, somente a decepção.


Anúncios

Ouvidos vão explodir! Deap Vally toca em São Paulo em Maio

Resultado de imagem para deap vally

 

E o complemento do título deste post deveria ser “e você não pode perder por nada neste mundo”.

Se a cena indie para este semestre tem tido surpresas absurdas com a vinda relâmpago de Warpaint e Parquet Courts nos dois meses passados e ainda terá o magnífico Slowdive logo logo eis que surge na programação também essa aí.

Deap Vally, duo californiano formado por Lindsey Troy (guitarra) e Julie Edwards (bateria) e que lançou o ótimo segundo disco “Femejism” ano passado, vem para São Paulo para apresentação única no SESC Pompéia dia 04 de maio.

Com canções que grudam no ouvido e peso que assemelha aos já conceituados The Kills e o extinto White Strips (todos duos para ficar na comparação justa) o Deap Vally pode ser considerado uma mistura legal de pós-punk, garage-rock e alguma coisa da cena grunge no estilo e no jeito.

Tendo o primeiro álbum “Sistrionix” sido uma das melhores coisas que surgiu em 2013, as meninas devem vir com todo o fôlego para tocar por aqui já que tiveram bastante descanso (no caso da Julie nem tanto, pois esse período foi usado para ter o bebê que você vê na foto acima) e tempo para ensaiar enquanto criavam o segundo trabalho de estúdio.

Serviço: 

Resultado de imagem para deap vally

Deap Vally: dia 04/05 – quinta-feira às 21h30
Ingressos de R$9,00 a R$30,00
Venda online a partir de 25/04/2017 17:30
Venda nas unidades a partir de 26/04/2017 17:30
Apenas 4 ingressos por pessoa
Infos.: sescsp.org.br

Abaixo, alguns exemplos das recentes apresentações das californianas.

 


 

Deap Vally – Smile More (Ao vivo para a KUTX FM Austin)

 

 


 

Deap Vally – Full Set (Ao vivo em Las Vegas)

 


 

Já saiu o segundo álbum das meninas do Deap Vally. Saiba mais aqui

Resultado de imagem para deap vally

Faz muitos meses que o Blog fala a respeito deste segundo trabalho das fabulosas Lindsay Troy e Julie Edwards, mas agora o negócio virou realidade.

Depois de alguns imprevistos bem-vindos como uma gravidez, participações especiais e vídeos insanos de faixas do álbum eis que o próprio cria vida e demonstra fôlego para suceder bem o debut “Sistrionix” (2013).

Com uma roupagem mais bem apurada do que no primeiro disco esse “Femejism” não vem apenas vestido de um Punk de garagem meio Grunge. Essas notas continuam lá, mas a ideia se expande para aldeias alternativas mais complexas como em algumas faixas em que o Heavy Metal e Blues também dão as caras e possuem seu valor.

Sendo assim, a audição do trabalho é rápida e consistente, mas a experiência não se torna nem supérflua e muito menos efêmera, pois é prazeroso não só o som produzido por ambas as meninas, como também sua facilidade em produzir bons versos e riffs.

Portanto, valeu a pena esperar que elas se restabelecessem para que esse lançamento viesse com calma. Entretanto, não é um disco para se ouvir com este mesmo sentimento, pois sua aceleração é evidente e a adrenalina é pulsante do início ao fim.

 


 

 

Deap Vally  – Femejism (Tracklist) 

Resultado de imagem para femejism

1 – Royal Jelly

2 – Julian

3 – Gonnawanna

4 – Little Baby Beauty Queen

5 – Smile More

6 – Critic

7 – Post Funk

8 – Two Seat Bike

9 – Bubble Baby

10 – Teenage Queen

11 – Grunge Bond

12 – Turn It Off

13 – Heart Is an Animal


 

Smile More 

 

 


 

“FEMEJISM” é o título do novo álbum do Deap Vally. Confira detalhes!

Demorou um pouco, é verdade, mas saiu!

Após ter impressionado com o single “Royal Jelly” no final de 2015 e ter dito que haveria álbum novo para este ano as meninas finalmente cumpriram a promessa.

Na verdade, a demora não era por mal, muito pelo contrário, já que Julie Edwards estava prestes a ter um filho e precisou de um tempo para voltar à ativa.

Junto com Lindsey Troy, o duo confirmou ontem a data de lançamento de “FEMEJISM”, segundo disco delas, para dia 16 de setembro próximo e soltaram desde já a forte “Smile More”.

O álbum terá a produção do multifacetado Nick Zinner, do Yeah Yeah Yeahs, e será composto por 13 canções.


“FEMEJISM”

080616_dvally_capa

01. Royal Jelly
02. Julian
03. Gonnawanna
04. Little Baby Beauty Queen
05. Smile More
06. Critic
07. Post Funk
08. Two Seat Bike
09. Bubble Baby
10. Teenage Queen
11. Grunge Bond
12. Turn It Off
13. Heart Is An Animal


Smile More

 


 

Novo disco do Deap Vally teve de ser empurrado um pouco à frente com a barriga (literalmente)

Mas não fiquem tristes!

O duo das lindas e ótimas instrumentistas Lindsey Troy e Julie Edwards, nascidas na Califórnia, terra de outras valiosas bandas de meninas atuais como a (preferida da casa) Warpaint e as garotas do Haim, está com o novo trabalho praticamente pronto, mas o lançamento teve de ser adiado por conta da gravidez de Julie Edwards que está prestes a dar à luz.

Desse modo, as meninas só conseguiram liberar agora o pesado, tenso e denso single “Royal Jelly”, música de gente grande, feita apenas com bateria e guitarra, armas usadas por elas desde sempre e mostradas ao mundo desde o lançamento do primeiro álbum “Sistrionix” (2013).

Nem chegaram a falar em data oficial para que o álbum saía para não atrapalhar a questão pessoal de Edwards e pressionar algo que pode aguardar um pouco mais.

Tanto é que em recente turnê, na qual abriram para a banda Peaches, o Deap Vally teve que usar uma baterista emprestada para ir até o fim.

O vídeo e música da nova canção estão disponíveis via Noisey e tudo isso pode ser conferido via You Tube com a curiosidade de ter no filme a Georgia Jagger, filha do próprio, além de uma pontinha de Nick Zinner, guitarrista do Yeah Yeah Yeahs, atuando como bartender.

A participação do rapaz se faz necessária na vida do duo californiano também pelo fato de ser ele um dos produtores deste trabalho que deve sair lá pelo primeiro ou segundo mês de 2016.

Enquanto isso, aproveite a tensão e o ambiente bem executados por instrumentos e voz contidos em “Royal Jelly”: