Precisamos falar sobre a apresentação de Lady Gaga no Super Bowl

Resultado de imagem para lady gaga super bowl

O que foi aquilo?

Um misto de espetáculo visual, entrelinhas de crítica ao atual presidente estadunidense muito sutis, pirotecnia, habilidade vocal e corporal, audácia e coragem para voar por todo um estádio, facilidade para trocar o ritmo de uma música para outra enquanto os passos de dança iam saindo muito naturalmente, além de uma simpatia e carisma com a plateia e rédea total da situação.

Sim, esta foi Lady Gaga e sua apresentação impecável no Super Bowl.

Enquanto o Atlanta Falcons amassava o New England Patriots após dois primeiros quartos da decisão nacional do Futebol Americano e os intervalos comerciais batiam recorde de valores investidos pelos anunciantes Lady Gaga subia ao palco (na verdade, o estádio todo foi o palco) para tocar alguns de seus maiores sucesso no que foi mais um pout pourri do que que qualquer outra coisa.

Mas, por mais que pareça uma falta de respeito com a própria cantora ou com seu público, a decisão de deixar tudo picado foi altamente acertada, já que isso tornou tudo muito rápido, alucinante e devastador.

Ao final dos quinze minutos em que não havia como olhar para outro lugar do que para a performer americana o que apenas restava a dizer era alguma interjeição embasbacada ou um palavrão empolgado de surpresa com tudo o que havia ocorrido antes.

No final, algumas palavras aqui e ali para ressaltar a capacidade dos EUA de receber gente de todo o mundo e de celebrar a diversidade e outras pequeninas amostras de desagravo com Donald Trump, mesmo que não tenha sido totalmente explícito.

Enfim, Lady Gaga entra para o rol de apresentações memoráveis do Super Bowl neste que chegou a sua 51ª edição. O que a moça fez parecer até fazer Tom Brady acordar e realizar a façanha inédita de um time conseguir virar um jogo de final nacional no qual o primeiro tempo acabara em uma diferença de 25 pontos. Teve empate no tempo normal e vitória do time do marido de Gisele por placar final de 34 a 28.

Se os números do evento surpreender por toda a parafernália presente e o dinheiro investido, o show dentro e fora de campo não deixou a desejar e nisso os caras conseguem se superar a cada ano. Parabéns NFL, parabéns Patriots, parabéns Lady Gaga!


 

 


 

Anúncios

Mais listas: agora é a vez dos colaboradores do Blog

  • Por Giovana Bastos Oliveira

 

Resultado de imagem para david bowie lazarus

2016 simbolizou morte e renascimento.

Iniciou-se com a passagem de David Bowie, deixando o mundo no escuro com seu legado imenso e o póstumo “Blackstar”. O single “Lazarus”, que trouxe tanta esperança aos fãs, terminou deixando uma mensagem que todo mundo ouviu, mas não soube interpretar: “Olhem cá em cima, eu estou no Céu”.

Nick Cave também falou de morte, a morte trágica e precoce de seu filho adolescente. Discorrendo em faixas dolorosas e pessoais sobre a perda, Cave mostrou mais uma vez sua forma especial de lidar com a dor crua: transformando-a em arte.

Leonard Cohen e Greg Lake deixaram-nos: o primeiro com seus “Popular Problems” (de dois anos atrás) e “You Want it Darker” de agora; já o segundo com marcas inconfundíveis, difundidas especialmente em King Crimson e Emerson, Lake & Palmer, a nata do rock progressivo.

Marcou também uma nova fase de Iggy Pop, talvez uma ressurreição, uma autodescoberta potencial que deixa os fãs satisfeitos. O “Post Pop Depression” traz Iggy numa volta elegante às raízes do punk, mas ainda em comunhão com a nova geração do rock.

Abaixo a lista com o Top 8:

8- Neil Young – Peace Trail

Resultado de imagem para Neil Young - Peace Trail


7- Solange – A Seat at the Table

Resultado de imagem para solange a seat at the table


6- Miles Davis & Robert Glasper – Everything’s Beautiful


5-  Lady Gaga – Joanne

Resultado de imagem para lady gaga joanne


4- Warpaint – Heads Up

Resultado de imagem para warpaint heads up


3- Nick Cave & the Bad Seeds – Skeleton Tree

Imagem relacionada


2- Iggy Pop – Post Pop Depression

Resultado de imagem para Iggy Pop - Post Pop Depression


1- David Bowie – Blackstar

Resultado de imagem para david bowie black star


***Giovana Bastos Oliveira é estudante, poetisa e indie com presente e futuro incríveis de colaboração sempre bem-vinda aqui no Blog*** 

Gaga, Parker e um trabalho juntos

170816_gagaparker

Se ainda há alguma dúvida da mistureba que virou o mundo indie com trabalhos como a parceria entre Taylor Swift e Ryan Adams, a despirocada de Miley Cyrus com Wayne Coyne ou a aproximação dos rappers com produtores do underground agora a coisa ganha mais um capítulo: Lady Gaga terá produção de Kavin Parker, o cérebro por trás do Tame Impala.

“Perfect Illusion” será o primeiro single da popstar desde o lançamento há três anos de “Artpop”, que além de sucesso de crítica, também já dava amostras de novos caminho percorridos pela americana.

Num período em que a expansão da artista chegou ao ponto de lhe garantir até um Globo de Ouro pela participação na quinta temporada de “American Horror Story” a moça parece estar gostando dessa milésima mudança de seus rumos artísticos.

Tanto é que até mesmo novas investidas em Hollywood acontecerão: está confirmada no remake de “A Star is Born”, de Bradley Cooper.

Sem que haja data fechada para o lançamento de seu novo trabalho de estúdio, por si só a atuação junto com Parker é uma manchete e tanto.

Levando em conta que o próprio cantor australiano modificou bastante a estrutura musical de sua própria banda com misturas entre a discoteca e a psicodelia já presente no Tame Impala é de se esperar que coisas loucas estão por vir.

Por fim, parece que este casamento sonoro teve como principal padrinho outro produtor: Mark Ronson, que trabalhara anteriormente com ambos postou há dois meses uma foto deles na qual havia a legenda “Illusion”. À época ninguém entendeu muito bem, mas agora tudo se explica.

13267385_1207801842593361_1109484220_n

Novo teaser de AHS – Hotel com Lady Gaga

image

Ryan Murphy já havia confirmado a algum tempo a participação da diva pop Lady Gaga na quinta temporada de American Horror Story que se passará num hotel.

Alguns outros atores voltam a trabalhar no projeto e ainda fica a dúvida no ar quanto à participação de Jessica Lange.

De qualquer modo, durante o painel de AHS na Comic-Con o produtor da série nos apresentou mais um teaser com a cantora.

A série terá nessa nova temporada 13 episódios e deve estrear em outubro.

Veja abaixo o teaser com Lady Gaga.

Publicado do WordPress para Android