“Go Away”: Weezer e Best Coast fazem uma “selfie” juntos

Foram quatro anos de espera entre “Hurley” (2010) e “Everything Be Allright In The End” para que o Weezer mostrasse que ainda continuava vigoroso e intenso.

O lançamento deste disco também foi uma forma de provar que Rivers Cuomo continuava perfeito em sua verve para o rock básico talhado desde meados dos anos 90.

E talvez por conta da influência da meditação em seu dia-a-dia o tema recorrente naquele álbum era, digamos, bem transcendental. “O tema predominante do álbum é o aumento da consciência sobre a impermanência de tudo que temos como certo”, dizia Cuomo à época do lançamento.

Além disso, algumas parcerias foram acertadas durante as gravações do álbum e a mais vibrante atende pelo nome de “Go Away”, em consonância com o Best Coast, duo californiano formado pela bela e provocadora Bethany Cosentino e o multi-instrumentista Bob Brunno.

O Best Coast promete para este ano ainda a liberação do terceiro (e esperado) álbum de estúdio que precederá o divertido “The Only Place” e possui uma interessante e interativa página no Facebook e uma conta no Twitter que é alimentada diariamente pela própria vocalista do grupo.

E não é que ambos cometeram o melhor vídeo-clipe dos últimos anos ao fazer uma crítica bem humorada à geração “Selfie Ostentação”?

Então chega de mais delongas e assista o clipe e ouça a música com cara de balada sessentista acrescentada de guitarras potentes na qual estrelam o líder do Weezer e a vocalista do Best Coast.

Anúncios

Direto da NME: As meninas Haim e o Weezer formam super-grupos para o novo show de Jimmy Kimmel na tv

Quem deu a notícia foi a revista britânica NME: Haim, Morris Day & The Time, Weezer e ZZ Top são algumas das bandas que irão formar supergrupos para uma nova série criada para o Jimmy Kimmel Live!, famoso programa do apresentador americano.

A atração que já tem o nome de “Mash Up Mondays”, vai acontecer obviamente às segundas-feiras e terá dois blocos com uma banda criada para cada um deles.

Deste modo, a cada semana haverá dois super-grupos diferentes.

Os primeiros “mash ups” anunciados são ” Wee-Z Top” (Weezer e ZZ Top), “Morris Day and the HAIM” (Morris Day & The Time ande Haim) e “Aloe Blaccstreet ” (Aloe Black e Blackstreet).

Os shows irão ao ar pela primeira vez no dia 2 de Fevereiro, com os dias 9 e 16 já confirmados também.

Provavelmente, este será o último evento no qual as meninas californianas participarão antes de iniciarem os trabalhos de seu segundo álbum em conjunto com o produtor Ariel Rechtshaid. Tudo isso posteriormente ao álbum de estreia da banda “Days Are Gone” que chegou à posição número um do Reino Unido em seu lançamento em setembro de 2013.

A tecladista Alana Haim disse durante o verão passado que esta era a primeira vez que ela escrevia durante uma turnê. “Nós estamos indo para casa e teremos um mês para começar a gravar. Eu prometo que este novo registro não virá em seis anos, ele chegará muito em breve.”

No caso do Weezer, está havendo trabalho intenso desde outubro por conta do lançamento de seu novo álbum de estúdio “Everything Will Be Allright In The End”.

O vocalista Rivers Cuomo também apareceu recentemente no álbum pop de McBusted, que foi lançado em dezembro.

O Jimmy Kimmel Live! É transmitido pela ABC nos EUA e pelo canal GNT da Globosat aqui no Brasil.

Assista abaixo a apresentações das meninas Haim (My Song 5) e do Weezer (I,’ve Had it Up to Here)em momentos diferentes do Jimmy Kimmel Live!:

Resumão do meio da semana: Leonard Cohen, Alt J, The Drums e Julian Casablancas lançam novos discos; Sai data para o novo trabalho do Weezer

Em final de mês em Sampa que vai do rockão do Queens of the Stone Age, viaja no cachorro quente (que não vem ao show) de Miley Cyrus e finaliza com o sempre presente Franz Ferdinand nada melhor do que saber a respeito das novidades lá de fora também.
 
Se o Brasil realmente entrou na rota dos grandes shows já faz algum tempo é com bastante interesse que todos ficam esperando o povo da Time for Fun soltar nota com, pelo menos, algumas das atrações da parte sul-americana do Lollapalooza 2015.
 
Muito se fala sobre Robert Plant e Jack White, que dizem, já estariam fechados com a produção do evento, algum burburinho com as possíveis vindas de Green Day, Chvrches, Bastille, Foster the People, Bloc Party, Kasabian e Empire of the Sun, e pouco se comenta sobre o próximo assunto: o Alt J.
 
Os caras de Leeds lançaram ontem o aguardado disco “This Is All Yours”, segundo trabalho, que não foi bem recebido pela crítica inglesa, mas que parece ter entrado bem nas rádios de lá. A tendência é que estejam no set do Lolla por aqui ano que vem, pois fariam parte da cota de banda nova indie do festival.
 
Outras coisinhas bacanas aconteceram ontem pelo mundo afora.
 
Nosso eterno crooner (e bom velhinho) Leonard Cohen mostrou ao mundo seu “Popular Problems”, que é uma delicia de álbum, bem conduzido e exato no tom e na sonoridade.
 
Outro ícone dos novos bons ares da música indie mundial, The Drums, saiu-se ontem com o lançamento de “Encyclopedia”, terceiro disco do grupo americano que pousa em Sampa para mais uma apresentação em 05 de novembro pela PoploadGig Festival.
Ainda na onda de lançamentos da terça-feira, ainda há o novo de Julian Casablancas, “Tyranny” (que o blog ainda não ouviu) e tem medo de fazê-lo pela porcaria que foi a última incursão do rapaz de maneira solo. Volta logo, Strokes!
Para finalizar, saiu ontem a nova faixa do Weezer, a ótima “The British are Coming”, que busca dar maior publicidade para o lançamento do novo álbum “Everything will be Allright in the End”, que sairá mundialmente em 07 de outubro próximo.
Para um final de mês até que o negócio está bem agitado.
 
Agora é se preparar para o show amanhã e esperar por mais novidades do mundinho musical no mês que vem.